11 janeiro 2017 - 15:49

TJ mantém deputado Danrlei condenado a ressarcir camareiras de hotel

Conforme o processo, parlamentar acusou a dupla de ter roubado uma aliança

A 10ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul manteve o deputado federal Danrlei de Deus (PSD) condenado a indenizar duas funcionárias do Hotel Maerkli, de Santo Ângelo, nas Missões. Ambas entraram com uma ação alegando terem sido acusadas do furto de uma aliança de cima do frigobar do quarto, fato que é negado pelo parlamentar. O caso ocorreu em setembro de 2012.

Apesar de reiterar a sentença, o TJ reduziu o valor a ser pago. Cada uma delas vai receber R$ 7,5 mil, metade do que havia sido estabelecido pela Justiça de Santo Ângelo. O relator do recurso no TJ, desembargador Jorge Alberto Schreiner Pestana, concluiu que ficaram configurados a prática de conduta abusiva e o prejuízo psíquico das camareiras diante de colegas de trabalho e de hóspedes. A defesa do deputado alegou que Danrlei percebeu a perda da aliança minutos após ter deixado o hotel.

Também participaram do julgamento e acompanharam o voto do relator os desembargadores Túlio de Oliveira Martins e Marcelo Cezar Müller.

Fonte:Rádio Guaíba