14 setembro 2017 - 08:31

Polícia gaúcha localiza homicida e traficante condenado a 61 anos de prisão

'Beto louco' foi capturado em SC e é apontado como uma das lideranças do tráfico da Vila Maria da Conceição

(Foto: Polícia Civil/Divulgação)

(Foto: Polícia Civil/Divulgação)

A Polícia Civil, através da Operação Linhagem, desencadeada em Santa Catarina, prendeu um dos criminosos mais procurados do Rio Grande do Sul, na manhã desta quinta-feira (14). Carlos Alberto da Silva Drey, conhecido como “Beto Louco”, 34 anos, foi capturado em Balneário Gaivota (SC). Ele é apontado como uma das lideranças das facções que concorrem pelo domínio do tráfico de drogas na Vila Maria da Conceição, em Porto Alegre.

O criminoso tinha dois mandados de prisão preventiva por homicídios. Além disso, já tinha sentença de 61 anos de reclusão por outros cinco homicídios e condenação por tráfico. Com a detenção, ele retorna ao sistema prisional.

As investigações duraram cerca de três meses, até os policiais localizarem o esconderijo do homem. A ação foi realizada pela Delegacia de Capturas (DECAP) do Departamento Estadual de Investigações Criminais (DEIC), sob a coordenação do Delegado Arthur Raldi.

Fonte:Jéssica Moraes/Rádio Guaíba