13 janeiro 2018 - 10:46

Furto de energia: defesa obtém habeas corpus para proprietária de templo em Gravataí

Mulher deixou a prisão na noite de ontem

A defesa da proprietária do templo onde duas crianças podem ter sido sido sacrificadas em Gravataí conseguiu habeas corpus, na noite dessa sexta-feira. A mulher havia sido presa em flagrante por furto qualificado de energia elétrica no imóvel, situado na localidade de Morungava. Ela deixou a prisão perto das 20h de ontem.

Segundo o delegado Rogério Baggio, titular da Delegacia de Homicídios de Novo Hamburgo, não está claro se a mulher detida teve algum envolvimento na morte das crianças, que tiveram os corpos esquartejados e localizados, ainda em setembro, no município do Vale do Sinos.

De acordo com a delegada Marina Goltz, da equipe da Delegacia de Repressão aos Crimes Contra o Patrimônio das Concessionárias e os Serviços Delegados (CRCP), as investigações para responsabilizar os proprietários do local prosseguem.

Fonte:Agência Brasil