13 setembro 2017 - 20:28

Cartão Reforma: etapa inicial no RS vai contemplar 6 mil famílias de 83 cidades

Ferramenta vai beneficiar famílias com renda mensal de até R$ 2.811

Mais de 120 técnicos de municípios gaúchos participaram, nesta quarta-feira, de capacitação sobre o Cartão Reforma promovida pelo governo estadual e o Ministério das Cidades, em Porto Alegre. Destinado a reduzir o déficit habitacional em áreas de vulnerabilidade social ou atingidas por desastres naturais, o programa vai beneficiar seis mil famílias de 83 municípios do Rio Grande do Sul ainda em 2017, em um investimento de R$ 31,5 milhões.

O secretário de Obras, Saneamento e Habitação, Fabiano Pereira, abriu o evento e destacou a importância da capacitação técnica para o aperfeiçoamento da ferramenta de política pública. Já o diretor do Departamento de Melhoria Habitacional do Ministério das Cidades, Álvaro César Lourenço, apresentou o Cartão Reforma aos técnicos de obras e de assistência social. Segundo Lourenço, para cada família que precisa de moradia, outras 10 carecem de reforma ou ampliação da residência para comportar todos os membros de forma digna. “Esse programa é destinado a reduzir o déficit qualitativo das moradias”, disse.

O Cartão Reforma vai beneficiar famílias com renda mensal de até R$ 2.811, com crédito para compra de materiais de construção destinados à reforma, ampliação ou conclusão de unidades em construção. Os recursos para o Cartão são 100% subsidiados, ou seja, a família não paga nada pelo benefício, tendo apenas a obrigação de fornecer a mão de obra. Aos municípios, cabe a seleção das moradias a serem contempladas, a orientação técnica e a fiscalização.

Em uma etapa inicial, serão beneficiados 28 municípios gaúchos que decretaram situação de emergência nos últimos meses. O edital do programa para esses municípios deve ser publicado dia 20 de setembro. Os demais 55 municípios pré-selecionados poderão participar do segundo edital, que deve ser publicado em outubro.

Fonte:Rádio Guaíba