17 julho 2017 - 18:04

Após problema com realização de exames de raio-x, Prefeitura da Capital contrata mais uma prestadora

Clínica Beira Rio Ltda (Clínica CBR) deve realizar até cinco mil exames mensais

Depois de confirmar problemas com a realização de exames de raio-x pelo Sistema Único de Saúde (SUS) em Porto Alegre, a Secretaria Municipal da Saúde decidiu contratar mais uma clínica para prestar o serviço. A medida ocorre depois que a Pasta verificou, ao analisar os agendamentos, que a Radicom não vinha cumprindo com a meta de realizar até quatro mil procedimentos por mês.

De forma complementar, a Clínica Beira Rio Ltda (Clínica CBR) deve realizar 5,5 mil exames mensais. Os recursos provêm do Ministério da Saúde. O valor por procedimento é de R$ 9,50. O custeio de outros exames por imagem é significativamente maior. O SUS repassa R$ 45 por mamografia, por exemplo. A Prefeitura deve repassar até R$ 107,3 mil mensais por 4 mil exames de raio-x e 1.530 mamografias – o que totaliza cerca de R$ 1,3 milhão por ano.

Hoje, pacientes relataram problemas ao tentar agendar exames na Radicom. Consultada pela reportagem, a empresa informou que o equipamento da unidade da avenida Erico Verissimo quebrou na última sexta-feira. Embora ele já tenha sido consertado, a Radicom admitiu que os clientes enfrentaram dificuldades pontuais para o agendamento nesta segunda-feira. Até a última semana, as análises por imagem eram realizadas somente nessa clínica.

O contrato da Prefeitura com a Secretaria Municipal da Saúde com a Radicom, firmado em 29 de março, é de até R$ 6,4 milhões. A validade é de um ano. A contratualização foi firmada justamente para tentar zerar a fila, que tinha 10 mil procedimentos represados no início do ano. Além da realização de exames de raio-x, foram contratados procedimentos mais complexos, como ecografias e ressonância magnética.

Conforme a Pasta da Saúde, os valores do contrato com a Radicom não precisarão ser modificados porque os repasses ocorrem de acordo com a produção. O mesmo vai ser aplicado à CBR.

A Secretaria ainda ressaltou que está em fase de testes o agendamento dos exames por imagem através da Central de Marcação de Consultas da Secretaria da Saúde.

Fonte: Samantha Klein|Rádio Guaíba